Title Image

Rede Dianova

A rede Internacional Dianova

A Dianova é uma ONG internacional composta por associações e fundações que operam em quatro continentes (Américas, Ásia, África e Europa). Os membros da Dianova contribuem para o desenvolvimento de pessoas e comunidades através de programas e projectos nos domínios da saúde, sociais e humanitários.

Os membros da rede Dianova desenvolvem as suas acções com base numa missão, visão e valores partilhados. Cada iniciativa implementada pelos seus membros deve ser avaliada com base na:

> sua contribuição para a missão da rede;

> sua adesão à visão;

> e seu respeito aos valores centrais de Compromisso, Solidariedade, Tolerância e Internacionalidade.

Estes quatro valores constituem o alicerce dos princípios de acção da rede Dianova. Nas suas aplicações específicas, traduzem-se em intervenções dedicadas a promover:

a nível individual: auto-ajuda, auto-confiança e a integração nas suas comunidades.

a nível colectivo: envolvimento cívico para promover a saúde e a qualidade de vida, contribuir para o desenvolvimento de pessoas e comunidades, e o empoderamento do ser humano como factor-chave de um desenvolvimento sustentável e equilibrado.

A rede Dianova é conformada e alimentada pelas interacções entre a Coordenadora Internacional | Organisation Internationale Dianova e os seus Membros, cooperação reforçada pela Convenção de Lisboa de 2007. A  Dianova Internacional é uma ONG internacional de direito suíço conforme à Convenção Europeia de 24 de Abril de 1986 sobre Reconhecimento da Personalidade Jurídica de Organizações Internacionais Não Governamentais, sem fins lucrativos.

Afiliações Internacionais

Foi-lhe atribuído em 2007 o Estatuto Consultivo Especial junto do Conselho Económico e Social das Nações Unidas ECOSOC | UN. Desde 2010, mantém Relações Operativas junto da UNESCO para a área da Educação.

De referir que a  Dianova Internacional e todos os seus membros respondem aos standards de qualidade e às directivas estabelecidas pelos organismos públicos dos seus países respectivos. Encontram-se integrados e acreditados em redes nacionais e internacionais de profissionais do sector.

Salientamos: Civil Society Forum on Drugs at the European CommissionOrganização dos Estados Americanos, RIOD, CICAD, WFTC (Federação Mundial das Comunidades Terapêuticas)Vienna NGO Committee on Drugs . Bem como pelas Administrações Públicas e Governamentais dos países onde os membros desenvolvem a sua actividade.

Boas Práticas de Gestão e Avaliação

A Dianova prima e é reconhecida pelas suas práticas transparentes a nível de boa governança e gestão profissional, responsabilizando-se pelas suas acções e realizações. Fá-lo através de:

> uma missão, estrutura organizacional e processos de tomada de decisão claros;

> agindo de acordo com os valores declarados e os procedimentos acordados;

> garantindo que os seus programas atinjam resultados consistentes com os seus objectivos;

> e comunicando esses resultados de maneira aberta e precisa.

Os Relatórios Anuais descrevem:

> os objectivos e resultados alcançados pelos seus programas e advocacy;

> a estrutura e processos de governança, incluindo os detentores dos corpos sociais eleitos;

> as principais fontes de financiamento de empresas, fundações, governos e indivíduos;

> e o desempenho financeiro que está em conformidade com as leis e práticas relevantes e auditado por um revisor de contas.

Impacto Social e Horizonte 2020

Em 2018, com uma Equipa de 527 (55% M e 45% H) profissionais multidisciplinares, 26.508 (9.003 directos e 17.505 indirectos) pessoas beneficiaram dos seus programas.

Como organização em constante adaptação à evolução dos contextos em que se insere, e como actor proactivo do Sector da Economia Social e Solidária, a Dianova contribui para uma sociedade mais equitativa e equilibrada.

Para materializar a sua Visão 2020, desenvolveu as Orientações Estratégicas 2020 assentes na Diversificação, Internacionalidade, Proactividade e Adaptabilidade. Nesta senda, a Dianova concretiza-se passo-a-passo como uma rede internacional que desenvolve projectos diversificados. Especialmente, baseados na confiança com os sectores público e/ou privado e com impacto directo nas políticas públicas.

A Dianova e os Objectivos de Desenvolvimento Sustentável

Em 2015, as Nações Unidas adoptaram a Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável. Esta iniciativa visa fortalecer a cooperação entre governos e outras partes interessadas que se esforçam para erradicar a pobreza, proteger o planeta e garantir prosperidade para todos. Os 17 Objectivos de Desenvolvimento Sustentável da Agenda (ODS) e os seus 169 objectivos específicos tornaram-se símbolos deste projecto ambicioso.

A missão da Dianova e a sua concretização encontram eco no contexto da Agenda 2030. Ao implementar várias práticas e iniciativas locais e internacionais, a Dianova gera um significativo impacto na implementação dos ODS. Somando assim aos esforços globais para construir um mundo melhor para todos e incorporando a linguagem da Agenda 2030 no seu trabalho.

A Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável focaliza-se em cinco temas principais para a humanidade e o planeta, os chamados “5 Ps”: Pessoas, Planeta, Prosperidade, Paz e Participação. A Dianova demonstra o seu compromisso no alcançar dos ODS.

Especificamente, alinhando as suas acções e iniciativas em quatro grandes áreas:

> Crianças/Jovens e Educação.

> Saúde / Tratamento das Dependências.

> Protecção Social/Apoio e Ajuda Humanitária. 

> Alianças e Cooperação.

Os membros da Rede Dianova comprometem-se neste envolvimento à escala global, contribuindo para o alcance das diversas metas dos ODS.

Contactos Websites

REDE INTERNACIONAL DIANOVA

Dianova International, Dianova Chile, Dianova Espanha, Dianova EUA, Dianova Itália, Dianova Nicarágua, Dianova Suécia, Dianova Uruguai, Društvo Up Eslovénia, SPYM India, Ray of Hope Paquistão, Slum Child Foundation Quénia, RIO Noruega, European Center for Preventing Addictions Roménia, AJEAH Association des Jeunes Engagés pour l’Action Humanitaire Togo, FAPE República Democrática do Congo, Karim Khan Afridi Welfare Foundation – KKAWF(Paquistão), Izmir Saglik Turizmi Dernegi (IZSATU)(Turquia), Kothowain Bangladesh, GRADH – Groupe de Réflexion des Amis pour le Développement de l’Humain Togo, Angels in the Field India.