loading icon

24 Jun / Estigma ao Tratamento da Dependência

Empoderamento Humano – Do Estigma e da Vulnerabilidade ao Tratamento da Dependência

Empoderamento Humano, a campanha da Dianova lançada a 26 de Junho por ocasião do Dia Internacional da Luta contra o Abuso de Drogas e Tráfico Ilícito.

 

Colabore Connosco… Faça parte da Mudança, Agindo!

> O estigma da dependência afecta negativamente a auto-estima de uma pessoa, prejudica as relações com os entes queridos e impede o acesso ao tratamento. Para além disso, o estigma contribui para elevadas taxas de fatalidades e encarceramento e preocupações. E ainda com a saúde mental entre pessoas com Dependência de Substâncias. O estigma é um problema de saúde pública.

> O estigma da dependência é alimentado pela ignorância, desinformação e medo e as suas consequências podem ser devastadoras. Mas, em primeiro lugar, impedem que as pessoas busquem ajuda. Ainda assim, as percepções podem mudar. As atitudes podem mudar. Os comportamentos podem ser modificados. Mas nada disso acontecerá a menos que as pessoas falem. Abra-se e partilhe as suas experiências!

> Falar é fundamental para a prevenção e redução do estigma. Afinal, quando as pessoas contam as suas histórias, elas encorajam outras pessoas e fazem-nas acreditar que elas também podem recuperar-se. Então, vamos dar esperança às pessoas em tratamento!

> Evite o estigma, não defina as pessoas pela sua Perturbação. As pessoas são mais do que seu problema de utilização de substâncias. Aliás, a dependência de uma pessoa representa apenas uma parte de sua vida. Nunca diga “o viciado” ou “o alcoólatra”. Diga “pessoas com dependência”, “pessoas com alcoolismo” ou “pessoas com transtorno aditivo”.

> A implementação de uma abordagem sensível ao género nos serviços de tratamento da dependência pode ajudar a fechar a lacuna entre homens e mulheres no seu caminho para a recuperação. É crucial reconhecer que o género faz diferença!

> Por fim, a integração de políticas e programas de tratamento da dependência com perspectiva de género pode contribuir significativamente para alcançar o ODS 5 Igualdade de Género e Empoderamento das Mulheres.

#HumanEmpowerment

-FIM-

Sobre a Dianova Portugal

Organização Social de propósito Sustentável especializada nas áreas da Educação, Juventude, Dependências, Desenvolvimento Comunitário, Apoio Psicossocial e Formação. Membro da rede Dianova International com Estatuto Consultivo Especial junto do Conselho Económico e Social das Nações Unidas (ECOSOC/UN) E, em Relações Operacionais com a UNESCO. Inscrita no Registo de Transparência da Comissão Europeia, membro do Vienna NGO Committee on Drugs (VGNOC), da European Federation of Therapeutic Communities (EFTC), da REDE Nacional de Responsabilidade Social das Organizações RSO PT. Entre outras afiliações e protocolos nacionais e internacionais.

Para além disso, é entidade formadora certificada DGERT (MTSS) e acreditada CCPFC (Ministério da Educação). Certificado o seu Sistema de Gestão da Qualidade NP EN ISO 9001:2015 no âmbito da Reabilitação e Reinserção de Toxicodependentes na Comunidade Terapêutica da Quinta das Lapas. E com menção honrosa PIQ 2014 e 2016/2017, categoria Economia Social. Em particular, pelas politicas exemplares implementadas na área da igualdade entre Mulheres e Homens e da Conciliação entre a vida familiar e profissional.

Em 2018, beneficiaram directa e indirectamente dos nossos programas e acções 92.218 pessoas (jovens e adultos).