loading icon

07 Out / Tratamento do Alcoolismo Entrevista Utente

Tratamento Educativo-Terapêutico e Ocupacional da Dependência do Álcool

Dianova: Que impacto teve o abuso de álcool na sua vida?

Utente: Ao longo destes 20 anos saía todos os dias e pensava que não era dependente das festas ou bebidas alcoólicas. O alcoolismo tornou-me, assim, menos responsável no meu trabalho, tendo-o perdido devido aos atrasos constantes, sendo agora freelancer. Por outro lado, deixei de conseguir fazer as rotinas normais e agravou o meu estado de saúde como asmático.

Dianova: Como chegou à conclusão de que tinha um problema?

Utente: Quando me apercebi que tinha que sair todos os dias para beber e quando não bebia não me sentia bem. Foi quando conclui que estava dependente do álcool.

Dianova: Como reagiu a sua família e amigos à sua dependência?

Utente: Alguns dos meus amigos afastaram-se de mim. Os meus pais tentaram ajudar e dar-me conselhos e os meus amigos mais próximos fizeram-me ver os benefícios em tratar-me. Pesquisaram e encontraram a Dianova como a melhor escolha e foi assim que entrei aqui no tratamento do alcoolismo.

Dianova: O que tem sido mais importante para si na Dianova?

Utente: Espero que me faça abrir os olhos e que as rotinas educativas e terapêuticas, para me manter ocupado, reforcem a minha recuperação. E, no final, que com este tratamento me torne num bom exemplo para os meus amigos, família e outras pessoas que tenham este problema de alcoolismo.

Dianova: Que mensagem deixaria para aqueles que ainda não encontraram um tratamento para a sua dependência?

Utente: Se bebe todos os dias e consegue perceber que a situação em que se encontra não é boa para si, e se quer mudar a sua vida, é um bom sinal para procurar tratamento. Será difícil no começo, mas ao longo do tratamento verá o lado positivo e os benefícios de estar sóbrio!

Testemunho – Entrevista de Utente da Costa do Marfim, 33 anos, em tratamento há 6 meses na Comunidade Terapêutica Quinta das Lapas